“Ken Wilber (Kenneth Earl Wilber Jr.) nasceu em 31 de Janeiro de 1949 em Oklahoma City (EUA). Viveu em muitos lugares durante sua vida escolar, pois seu pai era da Força Aérea. Completou o 2o grau em Lincoln, Nebraska, e começou a estudar medicina na Duke University. Porém, durante o primeiro ano, ele perdeu todo o interesse em seguir a carreira científica e começou a ler sobre psicologia e filosofia, tanto Ocidental quanto Oriental. Ele retornou a Nebraska para estudar bioquímica mas, após alguns anos, abandonou o mundo acadêmico (já formado em bioquímica) para dedicar todo o seu tempo a estudar e escrever.

denver-casa
Prédio onde mora atualmente em Denver, Colorado.
Foto: Moacyr Castellani

 Esboço original que serviu como base para a criação do formato do Integral Institute.
(Foto: Matheus Ferreira)

Com 23 livros sobre espiritualidade e ciência traduzidos em 25 países, Wilber é o autor acadêmico americano mais traduzido na atualidade. Pela natureza básica e pioneira de seus insights, ele tem sido chamado de “Einstein da consciência”.

Em Sex, Ecology, Spirituality (1995), ele critica não apenas a cultura Ocidental, mas também movimentos contra-culturais como o New Age. Em sua opinião, nenhum desses aborda a natureza profunda da “filosofia perene”, o conceito de realidade que habita o centro das principais religiões, e que forma o background de todos os seus livros e artigos. Esse trabalho fundamental foi também resumido em Uma Breve História do Universo (1996).

Seu primeiro livro O Espectro da Consciência (1977) firmou sua reputação como um pensador de vanguarda, que busca integrar psicologia Ocidental e Oriental. A Consciência sem Fronteiras (1979), que resume esse trabalho, é um dos seus livros mais populares. O Projeto Atman (1980) e Up from Eden (1981) abrangem os territórios da psicologia do desenvolvimento e da história cultural, respectivamente.

Em uma publicação mais pessoal, Grace and Grit (1991), Wilber nos fornece um relato comovente de seu relacionamento com sua segunda esposa, Treya, que morreu de câncer em 1989. Em One Taste, um diário pessoal do ano de 1997, ele oferece insights sobre seu modo de vida e experiências pessoais.

Em 2000, ele fundou o Integral Institute, para estudar questões da ciência e da sociedade de modo integral.

Texto original: The World of Ken Wilber (www.worldofkenwilber.com)

Traduzido por Priscila Campello e Moacyr Castellani

Curta no Facebook!